Cabinas normalizadas para a interpretação simultânea

 | Melhores práticas de interpretação

Diferentes tipos de equipamento aplicam-se a diferentes tipos de interpretação. Indicamos aqui em baixo uma lista para que verifique os requisitos técnicos relativos à interpretação simultânea, à interpretaçao consecutiva e a outros tipos de interpretação.

Interpretação simultânea

  1. Cabinas normalizadas:

A Interpretação simultânea requer o uso de cabinas de interpretação que, quer fixas ou móveis, obedecem a determinados critérios técnicos.

Existem normas  ISO para as cabinas fixas (ISO 2603) e para as cabinas móveis (ISO 4043). Refira-se à seguintes normas antes de mandar instalar cabinas fixas e exija sempre cabinas em conformidade com as seguintes normas:

  • Número: uma cabina por língua ativa
  • Dimensões: um mínimo de 1,60 m de largura para as cabinas móveis e 2,50 m para as fixas
  • Colocação: a uma distância máxima de 30 m dos oradores e do ecrã
  • Visibilidade: vidros antireflexo na parte frontal e lateral da cabina e uma boa visibilidade dos oradores e dos ecrãs de projeção
  • Iluminação, climatização e insonorização: as cabinas devem estar bem equipadas com material de iluminação, ventilação e ser bem insonorizadas
  • Equipamento: uma consola, uns auscultadores e uma lâmpada por cada intérprete

Cabinas móveis normalizadas como estas estão instaladas a 30 metros dos oradores e dos ecrãs.

  1. Salas de conferência:

As salas de conferências devem estar equipadas com o material áudio adequado e compatível com o sistema de interpretação simultânea. É preciso o seguinte:

  • Sistema de sonorização (com altifalantes)*
  • Microfones para a presidência da mesa
  • Microfones para os participantes
  • Microfone de lapela (para o orador) e microfone sem fio (para as perguntas na sala).
  • Auscultadores: Cada participante, incluindo os oradores que falam a língua maioritaria da conferencia, devem ter auscultadores.

* Recomendamos que alugue o serviço de sonorização e o equipamento de interpretação com o mesmo instalador para garantir a compatibilidade dos sistemas

 Cada participante precisa de auscultadores para escolher a língua que pretende ouvir.

Interpretação consecutiva

O intérprete está no pódio/no estrado e trabalha sem cabina. Um pequeno sistema de sonorização poderá ser útil (microfone e altifalantes) em certos casos.

Sistema infoport

Os delegados e os intérpretes precisam de um sistema de transmissão por rádio e de auscultadores quando realizam visitas de locais (sistema Infoport). Este sistema revela-se muito útil para determinados eventos específicos mas não pode substituir uma cabina fixa num contexto de conferencia.

Já tem uma ideia do que vai precisar mas prefere confirmar com um especialista? Contacte-nos para o podermos orientar nas próximas etapas.

Partilhe este artigo: